sábado, 16 de janeiro de 2010

SONHOS DE AMOR




Você,
ensinou-me a inventar sonhos
e preencher o espaço
que a solidão ocupava.
Eu,
me sentindo super poderosa
pelas margens do aconchego
caminhei nas águas claras
do teu sonho
e me vi na alvorada
de um sonho real.
Então,
reinventamos a vida.
Somos o que temos
e nos bastamos.


Izabel Dias
Publicado no Recanto das Letras em 19/11/2009
Código do texto: T1932810

2 comentários:

Brenda Oliveira disse...

Amei esse blog super criativo!

Brenda Oliveira disse...

Amei esse blog super criativo!